Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos

Acesso ao Extranet

Pirelli conclui testes com o pneu usado por Kimi Raikkonen no GP da Grã-Bretanha26/07/2017

Milão, 26 de julho de 2017 – O resultado da análise feita no pneu dianteiro esquerdo do composto macio usado pelo piloto da Ferrari, Kimi Raikkonen, durante o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, revelou dano específico em dois pontos da borda da cinta, perto da área interna do ombro do pneu. O dano não está presente em qualquer outra área do pneu. Além disso, a cinta e a estrutura não apresentaram qualquer sinal de fadiga.

A causa inicial possível do dano é consistente com contato contra algum corpo externo, levando à uma separação parcial da cinta e da carcaça em duas áreas afetadas. Em uma destas duas regiões, como uma consequência lógica, parte da banda de rodagem também acabou se soltando.

Este dano, por outro lado, não comprometeu a estrutura do pneu, com o piloto, Raikkonen, conseguindo levar seu carro de forma segura até os boxes, com o pneu ainda inflado.

Um número de testes detalhados foi realizado desde então, sendo eles de origem destrutiva ou não, em outros pneus usados por pilotos das primeiras posições do Grande Prêmio da Grã-Bretanha, com similar ou maior distância percorridas em comparação ao jogo de pneus usado por Raikkonen (25 voltas). Em nenhuma ocasião qualquer sinal de fatiga, separação ou laceração – ou mesmo o começo de tais problemas – que afetou a estrutura do pneu foi detectada.

Em sua conclusão, a Pirelli pode confirmar que nenhum problema relacionado ao pneu em si ocorreu.

Facebook  @pirellibrazil     Twitter  @Pirelli_Br     Instagram  @pirelli_br


voltar


Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos Todos os direitos reservados @2013

by contactonet