Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos

Acesso ao Extranet

Pirelli renova parceria em programa de pesquisa com Universidade de Milão04/12/2017

Milão, 4 de dezembro de 2017 – A Pirelli renovou seu acordo de pesquisa com a Universidade de Milão, da Itália, por mais três anos. A parceria, iniciada em 2011, tem como objetivo desenvolver tecnologias inovadoras para pneus do futuro. O novo contrato foi assinado por Marco Tronchetti Provera, CEO e vice-presidente executivo da Pirelli, Ferruccio Resta, reitor da Universidade Politecnico de Milão, Gianantonio Magnani, presidente da Fundação da Universidade Politecnico de Milão e Maurizio Boiocchi, vice-presidente executivo e Conselheiro Estratégico de Tecnologia da Pirelli. Ao todo, serão pelo menos mais 1,5 milhão de euros investidos pela fabricante de pneus.

 

A relação entre a Pirelli e a Universidade de Milão é antiga, começando em 1870. Graduado na instituição, Giovanni Battista Pirelli estudou engenharia química com especialização em fabricação de borracha, vindo a se tornar o primeiro a introduzir este tipo de indústria na Itália, ao fundar a Pirelli, em 1872. Desde então, muitas ações conjuntas foram feitas entre a fabricante e a universidade.

 

Desde 2011, as pesquisas resultaram em nove famílias de patentes e mais de 20 artigos científicos internacionais publicados, garantindo ainda melhor performance para os pneus, assim como segurança e sustentabilidade, graças ao uso de materiais avançados. Estes estudos garantiram produtos ainda melhores para o uso no dia a dia, assim como nas pistas de corrida, em categorias como a Fórmula 1.

 

O projeto atual vai trabalhar com o desenvolvimento de materiais inovadores e de produtos com tecnologias cibernéticas, especificamente estudando novos tipos de polímeros modificados, materiais com impacto ambiental mais baixo e dinâmica molecular. Tudo isso, buscando reduzir o ruído dos pneus, melhorar a resistência a aquaplanagem, melhorar aerodinâmica do produto e serviços de monitoramento dos pneus do Cyber Tyres.

 

Citações:

Marco Tronchetti Provera, CEO e Vice-Presidente executivo da Pirelli: “Mais do que nunca, inovar e realizar pesquisas não é uma opção, mas uma obrigação. Aqueles que não buscam aprimoramento logo desaparecem de cena e aqueles que não investem não são competitivos. Aqueles que, ao invés disso, investem em primeiro lugar, aproveitam de maiores vantagens no mercado. Os desafios que nosso setor, a indústria automotiva, está passando, são cada vez maiores. Estamos passando por um período de transformação sem precedentes, no qual a automação e a conectividade são reis. Em um contexto tão dinâmico, é essencial trabalhar muito de perto com os organismos de pesquisa e as universidades mais avançadas do mundo. A Universidade de Milão certamente é uma dessas. Com a renovação da parceria, a Pirelli reforça seu compromisso de colaborar com uma das instituições acadêmicas mais renomadas do país, com a firme intenção de confirmar na Itália o know-how estratégico do Grupo”.

Ferruccio Resta, Reitor da Universidade Politecnico de Milão: “A colaboração entre a Pirelli e a nossa universidade é sólida, confirmando que os mundos da pesquisa e da inovação, da academia e dos negócios, marcham ao mesmo ritmo e podem trabalhar juntas nos desafios que virão. Entre estes, um elemento-chave é a mobilidade: o que nos leva a redesenhar não só os nossos horizontes técnicos, mas também os contextos urbanos inteiros. Por este motivo, o programa com a Pirelli assume um valor ainda mais significativo para a nossa universidade e para a cidade de Milão. É um acordo que nos leva na direção de uma cidade que detém todos os requisitos para ser um verdadeiro polo de desenvolvimento técnico de mobilidade moderna. Essa é uma oportunidade para a qual não podemos dar ao luxo de não estarmos preparados”.

Gianantonio Magnani, Presidente da Fundação da Universidade Politecnico de Milão: “Entre os nossos fundadores, a Pirelli foi uma das primeiras empresas a acreditar na nossa capacidade de estabelecer uma rede dentro do nosso território para destacar a pesquisa científica da Universidade de Milão. Criar uma aliança forte e estável entre os mundos acadêmico e empresarial significa não só colocar a pesquisa para o uso da comunidade, mas também iniciar uma transformação na sociedade, o que permitirá o desenvolvimento e a internacionalização de todo o país. Hoje estamos falando de um setor, mobilidade sustentável, que precisa de inovação constante e tecnologia avançada para se manter em evidência”.

Facebook  @pirellibrazil     Twitter  @Pirelli_Br     Instagram  @pirelli_br


voltar


Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos Todos os direitos reservados @2013

by contactonet