Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos

Acesso ao Extranet

5 dicas da Continental para evitar bolhas nos pneus11/06/2018

 
Marca alemã chama a atenção para os riscos de rodar com bolhas nos pneus
 
Surgimento de bolha inutiliza o pneu, que deve ser substituído imediatamente
 
São Paulo, 11 de junho de 2018. No Brasil, os danos relacionados a impactos estão entre os três fatores que mais respondem pela retirada de um pneu prematuramente de serviço. A equipe de atendimento ao cliente da Continental Pneus contabiliza anualmente no país cerca de 2.500 registros relatando pneus de passeio e de carga danificados por essa razão.
 
Em sua grande maioria, as bolhas são causadas por impactos contra buracos nas vias ou contatos contra o meio-fio, gerando o rompimento da lona de corpo de poliéster dos pneus. Isso faz que com que o ar pressione a borracha para fora, criando essa protuberância. Elas também podem surgir se os talões forem danificados durante o processo de montagem dos pneus nas rodas.
 
“Muitas vezes ignoradas pelos motoristas, as bolhas são muito perigosas, pois podem aumentar de tamanho e se romper a qualquer momento, causando uma súbita perda de pressão. Elas não podem ser ignoradas de forma alguma e o seu surgimento inutiliza o pneu, que deve ser substituído imediatamente. Vale lembrar que os processos de vulcanização disponíveis no mercado apenas mascaram o problema e não o corrigem em definitivo, mantendo o risco de falha do pneu”, explica Rafael Astolfi, gerente de assistência técnica da Continental Pneus.
 
Para evitá-las, vale seguir cinco dicas simples do especialista:
 
Sempre calibrar os pneus observando a pressão correta para evitar deformações excessivas nas laterais caso ocorra um choque;
 
Evitar o contato dos pneus contra o meio-fio;
 
Evitar subir com o veículo em calçadas;
 
Se o impacto contra um buraco for inevitável, procurar reduzir a velocidade ao máximo, soltar o freio e manter a direção reta
 
Para evitar bolhas causadas por talões danificados, tanto o pneu como a roda devem ser adequadamente lubrificados no momento da montagem. Daí a importância de buscar um profissional habilitado que empregue o maquinário adequado 
 
Para mais dicas sobre bolhas e manutenção dos pneus, acesse o Calibrada Continental: https://youtu.be/j2PhcP7nAac
 
 
 
A Continental desenvolve tecnologias pioneiras e serviços para mobilidade sustentável e conectada de pessoas e seus bens. Fundada em 1871, a empresa de tecnologia oferece soluções seguras, eficientes, inteligentes e acessíveis para veículos, máquinas, tráfego e transporte. Em 2017, a Continental gerou vendas preliminares de cerca de € 44 bilhões e atualmente emprega mais de 235.000 pessoas em 61 países.
 
A Divisão de Pneus tem atualmente mais de 24 locais de produção e desenvolvimento em todo o mundo. A vasta gama de produtos e os investimentos contínuos em P&D contribuem de forma significativa para uma mobilidade rentável e ecologicamente eficiente. Como um dos principais fabricantes de pneus do mundo, com cerca de 52.000 funcionários, a Divisão de Pneus registrou vendas de € 10,7 bilhões em 2016.
 
A divisão de Pneus para Veículos Comerciais da Continental é uma das maiores fabricantes de pneus para caminhões, ônibus e pneus comerciais em todo o mundo. Essa unidade de negócios está continuamente se desenvolvendo de um simples fabricante de pneus para um provedor de soluções, oferecendo uma ampla gama de produtos, serviços e soluções relacionadas aos pneus.
 

voltar


Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos Todos os direitos reservados @2013

by contactonet